Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Zine de Pão

Caderno de notas sobre farinhas, leveduras e temperaturas

Zine de Pão

Caderno de notas sobre farinhas, leveduras e temperaturas

02.Dez.10

Sopa de Abóbora com Croûtons e Sementes

Venho de uma família que é um tanto quanto, vá lá, apreciadora de sopa. Pessoalmente, como adolescente palerma sempre tive uma aversão a sopa. Deve ser algum reflexo condicionado pelas noites de verão em que o meu pai achava que era agradável comer sopa a ferver e eu por tabela também tinha de comer. O meu pai só come sopa a ferver e de preferência num prato de sopa a transbordar, o que resulta em acrobacias quando este aquece a sopa no micro-ondas. Imaginem um prato a ferver, a transbordar de sopa que ainda tem de fazer um percurso de 1,5m ou coisa que o valha até ao seu lugar. Levanta-se o pai quando se ouve o "plim", dirige-se ao micro-ondas, abre a porta, tira o prato de sopa a ferver e tenta percorrer os 1,5m sem se queimar ou deixar alguma gota de sopa cair no chão soltando uns quantos "Porra que isto está quente!" (como se ele não soubesse) pelo caminho.

 

Entretanto os anos passaram e eu cresci. Posso não gostar de comer sopa quente no Verão como o meu pai, mas como ele fico desapontado quando a sopa não é acompanhada de pão. Para mim, sempre foi uma parceria natural. Pão com sopa, sopa com pão. Não vos soa natural? Se calhar sou só eu.
Não me convencem a comer sopa no Verão, mas no Outono ou Inverno aprendi a apreciar sopa. Nestes invernos rigorosos na Suécia nada sabe melhor do que uma sopa quente (não pai, não é a ferver) com uma fatia de pão fresco... ou porque não com os croûtons do post de ontem?

Sopa de Abóbora com Croûtons e Sementes

adaptada de bbcgoodfood.com

Ingredientes

  • 1 kg de abóbora, cortada em cubos
  • 2 cebolas, cortadas em pedaços
  • 140ml de natas
  • 700ml de caldo de galinha (ou suficiente até cobrir os vegetais)
  • 1 mão cheia de sementes de abóbora
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • Croûtons (feitos em casa!)

Instruções

Aquecer um tacho com o azeite e quando estiver quente colocar as cebolas cortadas em pedaços, deixar refogar durante 5 min ou até a cebola ficar translúcida. Colocar a abóbora em cubos e deixar durante 10-15 min até esta começar a ficar macia (mexer de vez em quando). Colocar o caldo de galinha e levantar o lume até ferver. Quando estiver a ferver, baixar o lume e deixar apurar durante mais 10 min.

 

Entretanto, toste as sementes de abóbora numa frigideira seca até estas cheirarem deliciosamente. Quando a abóbora estiver macia, adicionar as natas e levantar fervura. Retirar o tacho do lume e triturar com a varinha mágica. Temperar a gosto.

 

Servir com os croûtons, sementes e um fio de azeite.<

 

Dica do meu pai: servir a escaldar.